Arquivo de etiquetas: objectivo

Resoluções para 2015

resolucoes 2015Aprendendo com o resultado dos últimos dois anos em especialmente, com a minha fraca demonstração em 2014, vou manter esta lista muito simples. Os meus principais objectivos para 2015 estão divididos em 3 categorias:

Escrita:
– Lançar 3 histórias da “Heroína“;
– Acabar de escrever “Água Mole em Pedra Dura”;
– Acabar de escrever todos os contos que estão em aberto;
– Participar no NaNoWriMo;
– Concorrer a concursos literários e/ou fanzines ou outros projectos semelhantes;
– Actualizar o blog Caneta, Papel e Lápis com mais frequência que em 2014;

Leitura:
– Terminar pelo menos 3 séries literárias que esteja a seguir:
– Terminar pelo menos 10 séries de manga que esteja a seguir;
– Ler mais Banda Desenhada e Manga do que em 2014;
– Terminar de ler todos os livros que estão em stand-by e que estou sempre a dizer que vou terminar.
– Actualizar o blog Floresta de Livros com mais frequência que em 2014;

Desenho:
– Dar seguimento à banda desenhada “Lobo & Dragão“;
– Participar em mais um 24 Hour Comics;
– Fazer mais vídeos sobre o meu processo de desenho e alguns sobre o processo de pintura;
– Fazer pelo menos um booktrailers;
– Lançar “Apetite Voraz” (a curta de animação que já está feita há uns anos mas nunca mostrei);
– Dar seguimento à Banda Desenhada “Lobo & Dragão”, com actualizações constantes;
– Terminar o site DreamGazer Studios;
– Participar num 24 Hour Comics;

Anúncios

2014

2014 numa palavra:

Realidade

Todos os anos faço isto. Resumir o ano que passou a uma única palavra que acho que melhor reflecte o ano que terminou. em 2014 muita coisa foi diferente do que queria e do que tinha planeado. A Realidade embateu contra mim e derrubou-me várias vezes, mas eu sempre me reergui.

Um ano que foi  pobre em termos de escrita mas que me abriu os olhos para muita coisa. Possivelmente terá sido o pior ano, desde 2008, em termos literários, mas ainda assim há algumas coisas boas para recordar.

Já no início do ano eu tinha feito uma lista de resoluções. Vamos ver o que cumpri?

Participar no NaNoWriMo FEITO!
– Rever, ilustrar e publicar pelo menos 6 histórias da “Heroína“, de preferência todas! NÃO CUMPRIDO. PUBLIQUEI APENAS 1
– Publicar “Angel Gabriel – Pacto de Sangue” em papel NÃO CUMPRIDO.
– Terminar tradução de “Angel Gabriel – Pacto de Sangue” e publicar em ebook e papel NÃO CUMPRIDO.
– Traduzir e publicar pelo menos 2 histórias da “Heroína“, para inglês NÃO CUMPRIDO.
Participar em concursos e fanzines FEITO! PARTICIPEI EM ALGUNS CONCURSOS
– Rever um romance e submeter a editoras NÃO CUMPRIDO.
– Escrever com mais frequência (para este efeito tenho um caderno que tem metade das páginas com linhas e metade com folhas brancas de desenho, e vou então escrever num dia e ilustrar no outro. Todos os dias!) NÃO CUMPRIDO. COMECEI BEM O ANO MAS DEPOIS DEIXEI DE ESCREVER DIARIAMENTE
– Fazer booktrailers para todas as histórias que publicar e para as que já publiquei NÃO CUMPRIDO.
Fazer vídeos relacionados com a escrita/ilustração e com os meus trabalhos FEITO! PODEM VER O MEU CANAL DE YOUTUBE AQUI!

Como vêem fiquei muito áquem dos objectivos que tinha traçado e não vou arranjar desculpa para tal. A vida não me permitiu mais e agora sei que tenho de ter objectivos mais pequenos, pois mais vale superar o pouco que determino, do que chegar ao fim do ano e sentir que não fiz nada do que queria.
Fiquem atentos pois o post com os objectivos para 2015 estará no blog em breve.

Que 2015 seja muito melhor!

Resoluções para 2014

Há umas semanas atrás comecei a fazer uma lista do que queria cumprir em 2014. Um lista que cresceu, cresceu, cresceu, até que caiu. Ao olhar para ela sei logo que seria quase impossível chegar-lhe ao topo, por isso vou fazer algo mais terra-a-terra.

Objectivos para 2014:
– Participar no NaNoWriMo (para não variar …);
– Rever, ilustrar e publicar pelo menos 6 histórias da “Heroína“, de preferência todas!;
– Publicar “Angel Gabriel – Pacto de Sangue” em papel;
– Terminar tradução de “Angel Gabriel – Pacto de Sangue” e publicar em ebook e papel;
– Traduzir e publicar pelo menos 2 histórias da “Heroína“, para inglês;
– Participar em concursos e fanzines;
– Rever um romance e submeter a editoras;
– Escrever com mais frequência (para este efeito tenho um caderno que tem metade das páginas com linhas e metade com folhas brancas de desenho, e vou então escrever num dia e ilustrar no outro. Todos os dias!);
– Fazer booktrailers para todas as histórias que publicar e para as que já publiquei;
– Fazer vídeos relacionados com a escrita/ilustração e com os meus trabalhos;

Quero fazer mais, mas não vou listar, pois acho que é demais. Se conseguir tudo isto, fico muito satisfeita.

E vocês? Que objectivos têm para 2014?

2013

2013 numa palavra:

Agridoce

Isto já é um costume aqui no blog: escolher uma única palavra que melhor descreva o meu ano a nível de escrita/publicação, e acho que esta se adequa na perfeição. Pois este foi uma ano que, em iguais medidas, me encheu de alegrias e me esmagou em decepções.

A Última Ceia” e “Electrodependência” (Lisboa no Ano 2000) foram as fontes de maior orgulho. O primeiro porque  chegou a muito leitores em todo o mundo (por culpa de ser grátis, claro) e apesar de ter recebido opiniões divergentes, no geral foi apreciado; o segundo porque todas as opiniões que li até agora foram muito positivas, o que me encheu de orgulho, e porque foi também escolhido como leitura conjunta por duas turmas da Escola Secundária com 3º Ciclo de Ferreira Dias (saibam mais aqui e aqui). Também o “Um Dragão com Alergias” me fez sorrir algumas vezes e tem sido bem recebido pelos leitores.

Em contrapartida, “Angel Gabriel – Pacto de Sangue” foi uma enorme desilusão e também a “Heroína” ficou muito aquém do alcance que eu esperava, embora esta ainda seja recente. O primeiro porque não foi recebido ou divulgado da maneira que eu esperava,e porque as opiniões que saíram até agora não foram muito boas (embora isso nem seja o que mais me decepcionou); o segundo porque praticamente não chegou a leitores nenhuns. No entanto a maior decepção de todas foi mesmo o “Anormal“, o conto que já deveria ter sido publicado pela editora Draco em 2012, e depois em 2013, e até agora nada. Estou muito decepcionada! E o pior é o silêncio da editora.

Sem reacção ficou “Miragem na Chuva” que, até agora, não recebeu praticamente opinião nenhuma.

Continue reading 2013

O calor amolece-me as ideias * The sun softens my ideas

Semanário 166

Regressa chuva! Ou pelo menos, Regressa tempo mais ameno!
Não me atirem pedras por favor. Posso bem ser das poucas pessoas que prefere a chuva ao sol, o Outono ao Verão, mas este calor mata-me!
Parece que me frita os pensamentos, quais ovos estrelados em frigideira escaldante.

E porque o calor só agora chegou (e este também faz falta), começo por anunciar o vencedor do passatempo Zona Nippon 1: Vitor Frazão. Parabéns mais uma vez, Vitor. E correndo o risco de me tornar monótona, volto a agradecer a participação de todos. Bem gostava de poder oferecer um volume a cada um, mas tal não me é possível.
Fica no entanto aqui um ‘apelo’ para quem leu ou vai ler a Zona Nippon 1: Adoraria saber a vossa opinião sobre o “Não Alimentem a Caveira“.

Mas porque não é só de passatempos que vive uma escritora rapariga que escreve por gosto, há que informar que as revisões prosseguem a passo lento (ao menos evolui de caracol para lento, acho que já é algo, não?). Muitas correcções, algumas ideais a serem implementadas ao longo da narrativa, muitos auto-conselhos que se resumem a um simples “Show, don’t tell” e vários cortes sangrentos (não fossem estes feitos a vermelho). Fico com dores de cabeça só em pensar no trabalho que isto ainda vai dar. E andava eu a propagandar que ia querer terminar isto antes do fim de Junho. Quem queria eu enganar?

Com tudo o isto o que resta é uma saudade de escrever, porque isto de fazer revisões não equivale a escrita criativa, pelo menos para mim não. Daí que esteja a considerar fazer o Camp NaNoWriMo em Agosto, não para escrever um romance (que isso acho que não devo nem consigo nesta altura), mas para escrever vários contos. Assim posso sempre intercalar com a revisão. Mas, eu ainda conoto terminar a revisão do “Dragões e seus Sacrifícios” antes de Agosto.
Consigo? Claro que sim. Só depende da minha dedicação e … vejamos … uma recompensa ao fim do prazo.
Aceitam-se sugestões de auto-prémios (nada de dispendiosos que estou em contenções), mas gostava de saber se vocês se premeiam quando chegam ao fim de um objectivo (literário ou não) e sim, que tipo de recompensa oferecem a vocês mesmos? Um tablete de chocolate? Uma massagem? Um dia num local especial? Um jantar fora? Um livro novo? Ou uma simples soneca?
Deixem os vossos comentários, por favor.

*ENGLISH*

Weekly 166

Come back, rain! Ora t least, come back amiable weather
Don’t throw rocks at me, please. I may be one of the few people who actually prefer the rain to the sun, Autumn to Summer, but this heat’s killing me!
It feels like it’s frying my thoughts, like eggs on a scorching frying pan.

And because the heat has only now arrived (and we need it), I’ll start by announcing the winner for Zona Nippon 1: Vitor Frazão. Congratulations once more, Vitor. And taking the chance of sounding monotonous, I’d like to, once more, thank everyone’s participation. I’d really like to offer you all a volume, but that’s not possible at the moment.
Still, I’d like to ask those who’ve read or are going to read Zona Nippon 1 to tell me their opinions on “Don’t Feed the Skull”.

But because the life of a writer girl who loves to write isn’t just about contests, I have to report that the revisions are proceeding at a slow rate (better than the super-slow rate from the last weeks). Lots of corrections, some ideas to be implemented along the narrative, lots of written self-advices that can be summed up in a simple “Show, don’t tell” and several bleeding cuts (they’re in red and all). I get headaches just by thinking the work this is still going to entail. And here I was saying that I was going to finish this by the end of June. Who was I kidding?

And with all this what’s left is a sort of longing for some writing sessions, because this revision-thing does not equate writing, at least not for me. And that’s why I’m considering doing Camp NaNoWriMo in August, not to write a novel (which I don’t believe I can or should do at this time) but to write several short-stories. This way I can always do both tasks: revision and writing. Yet I’m still hoping to finish “Dragon’s and their Sacrifices” before August comes up.
Can I do it? Of course I can. It’s only dependent on my resolve and … well … some reward at the end of the deadline.
So I’m taking suggestions on self-rewards (nothing expensive at this time), and I’«d like to know if you reward yourselves when you reach an objective (literary or otherwise) and if so what kind of prize do you give yourselves? A chocolate bar? A day on a special place? A night out? A new book? Or a simple nap?
Leave your comments, please.

Nos meus outros blogs * On my other blogs:
Convite para lançamento de “Soberba Tentação”;
3º Encontro do Clube de Leitura de Braga;
– “Como Não Escrever um Romance“, de Howard Mittelmark e Sandra Newman;
Vermelho Sangue – Screenshot?, uma ilustração

Semanário 10

semanario_4Ai se arrependimento matasse …

Mais uma semana em que o objectivo não foi cumprido. Vou ter de me esforçar muito se quero chegar às 28 000 palavras até ao final do mês.

O que se passou? Bem … muita coisa! Trabalho, a minha mãe novamente, entre outras coisas chatas (incluso preguiça *rebola os olhos*).

A contagem vai nas 60 208 palavras. Sim, leram bem! Umas míseras 2 000 palavras a mais que a semana passada. *completo embaraço*
E pior disto tudo é que a maioria dessas 2 000 palavras vão ser apagadas. WHY? Porque acho que estou a empatar uma cena que, para ter o impacto necessário, tem de acontecer a mil à hora. E andar para cá com diálogos e descrições não é a melhor forma de o fazer. Por mais que eu o queira fazer. NOOOOO! Lá se vai o meu esforço para fazer o Catalysm falar pela primeira vez (quase) no livro inteiro. É que o tipo é muito calado. Quase nunca abre a boca  eu ia colocá-lo numa situação em que ia dizer mais que a sua fatia de diálogo, mas vou ter de cortar. Yup! Silêncioso até ao fim! É assim que ele deve ser.

Semanário 04

semanario1 Bem, esta semana, pelos vistos, tive desculpa. Mas não, quase não escrevi nada digno de registo.
Para além da já óbvia altura natalícia, também celebrei o meu aniversário ontem (Parabéns para mim!). O ano este ano foi pobre em prendas, mas, o que não faltou foi amor, pelo menos no dia de natal esqueci-me (um pouco) dos muitos problemas que rodeiam o meu lar.
O que escrevi esta semana, foi mais uma vez, algo do estilo biográfico, em jeito de desabafo.
No novo ano, pretendo dedicar-me, de corpo e alma, a terminar o “Angel Gabriel”, que estou a pensar seriamente mudar para “Angel e Gabriel”, para evitar certas confusões.
Novo golo: Terminar e editar antes do fim de Maio!
Não é pedir muito (talvez). Eu sei que consigo, só tenho mesmo de ter a força de vontade e o objectivo fixo.
Bem, então entrem todos excelentemente no novo ano! Espero, do fundo do meu coração, que o novo ano seja infinitamente melhor que os que o antecederam.

Bem preciso(amos) desse mimo!