Caneta, Papel e Lápis

Um blog sobre escrita criativa, de Ana C. Nunes (A blog about writing fiction, by Ana C. Nunes)

Tradução e Representação

5 comentários

Duas semanas semanas depois de ter terminado as revisões do meu romance, não posso dizer que a tradução para Inglês esteja a ir tão de feição, ou pelo menos tanto quanto desejava. Não é tanto a lingua em si que me está a impedir de fazer maiores avanços, mas estas coisas demoram tempo.

Escrita Criativa - o Relatório

Gabriel, personagem do meu romance “Angel Gabriel – Pacto de Sangue”.

Para já tenho 10 capítulos traduzidos (dos 55 no total) o que, para mim, é muito pouco. Esperava já estar mais adiantada mas não tenho conseguido dedicar-me a isto tanto quanto desejava. No entanto, em termos da tradução propriamente dita, acho que me estou a safar bastante melhor do que esperava, no entanto só poderei ter certezas quando as minhas copy-editors me derem feedback em relação a isso. Entretanto conveço-me que o meu inglês até não está tão enferrujado como supûs.
No outro dia, porque passei quase sete horas dedicada a isto, consegui traduzir quatro capítulos. Rejubilei, como devem imaginar, e se ao menos todos os dias fossem assim, num instante terminava, mas também não quero apressar as coisas. Mais vale ter algo bem feito do que apressado.

Entretanto aguardo feedback também das copy-editors que estão a fazer-me o enorme favor de rever a versão portuguesa, e prometo que assim que receber algo de volta, vou colocar aqui um excerto (pelo menos um capítulo, mas possivelmente mais) e em breve também devo começar a trabalhar em sinopses. Se calhar vou fazer só um post dedicado a isso, com várias hipóteses de resumos e depois peço-vos o vosso (muito prezado) apoio para escolher o mais apelativo.

Noutra nota, para me distraír um pouco de aventuras tão literárias, tenho estado entretida a fazer esboços de personagens, ilustrações e outras coisas que tal, que mais tarde irei usar para promover o lançamento. Tenho umas ideias engraçadas em mente e espero que gostem, quando o tempo chegar. Entretanto, para não vos deixar sempre só com resumos vagos do que faço, fica aqui um desenho completo (uma quase ilustração), que é também o da imagem no topo do blog, mas antes de ser pintada digitalmente (essa mostro na totalidade mais tarde).

Angel, protagonista do romance de Ana C. Nunes

Angel é a protagonista de “Angel Gabriel – Pacto de Sangue” (título provisório) e vive na Ucrânia no início da história. E, caso se estejam a perguntar o porquê da vestimenta algo fresca dela, acreditem que eu não a desenhei com aquele top só para ficar bonita, isso tem explicação no livro.

Gostavam de conhecer outras persoangens? Talvez vá trazedo um desenho com cada novo post, para dar mais colorido ao blog. O que acham?

Até breve!

Autor: Ana C. Nunes

I love to write, read and draw. I write novels, draw characters and, sometimes, graphic novels or comics.

5 thoughts on “Tradução e Representação

  1. Traduções não vale a pena serem apressadas.

  2. Atrevo em dizer que é um ritmo bastante bom, continua dentro do estimado tempo de lançamento, penso. Concordo que não se deve apressar a tradução.

    Gosto da ilustração, muito bonita. E que diferença com a pintura digital, nem imaginava que havia um desenho a lápis de cor por trás com tanto realismo que o digital tem🙂
    Eu gostava de ver novos desenhos com as personagens, quero conhecer-los. Mas sempre com a tradução como prioridade, claro.

    Boa continuação da tradução!

  3. Olá Rui,
    Não está muito dentro do prazo porque eu não posso contar só com o tempo de tradução. Ainda tenho que enviar para os copy-editors e aguardar feedback, além de que tenho de começar a trabalhar em promover o livro (mas, claro, só depois da tradução feita).
    Obrigada pelo apoio.

  4. Traduções devem ser feitas com calma, mas tenho a certeza que consegues fazer tudo dentro do prazo previsto. Gostava muito de ver mais desenhos. Infelizmente não fui agraciada com esse talento, e fico sempre fascinada com o trabalho dos que se dedicam a pintura e desenho.

  5. E é preciso uma certa dose de paciência, também.🙂
    Verbosecreto, não podemos ser bons a tudo, não é verdade? Eu, por exemplo, sou uma cozinheira medíocre.😛

Comente / Comment

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s