Caneta, Papel e Lápis

Um blog sobre escrita criativa, de Ana C. Nunes (A blog about writing fiction, by Ana C. Nunes)

Seven degrees of separation

4 comentários

Fui desafiada pela Digital Dame a preencher uma lista de 7 coisas pouco conhecidas (ou quase) sobre mim. Nós travamos conhecimentos durante o último NaNoWriMo e devo dizer que concordamos em muitas coisas sobre a escrita e os escritores. Como o “Seven degrees of separation” até parece ser engraçado, aqui vai a minha lista (também em ingês, para que ele possa ler, tipo, toma lá dá cá):

7dregreesofseparation1. Sou muito materialista! Deixem-me explicar melhor. Eu não me consigo desfazer facilmente do que quer que seja. Tenho, literalmente, pilhas de folhas cheias de desenhos antigos meus, dos quais não me consigo desfazer pelo simples facto de serem meus, embora sejam muito maus (alguns). Também tenho muitos problemas em abdicar da minha roupa, mesmo quando esta já não me serve (nem a roupa de bebé se safa).
1. I’m a very materialist person! In other words, I cannot easily get rid of things. For once, I have tons of papers filled with old drawings, that aren’t even good drawings, and I can’t throw them out as I feel they’re part of me. The same happens with clothes, even baby clothes stay.

2. Eu colecciono selos. Quero dizer, coleccionava, já que ultimamente não tenho adicionada nada à colecção. E tudo começou porque a minha mãe tinha dezenas de selos de todo o mundo, que vinham com as cartas de familiares e amigos que estavam no estrangeiro.
2. I collect stamps. Better said, I used to collect, because lately I haven’t made any adition to the set. And it all began when I saw a group of letters my Mom received from family and friends from across the world.

3. Eu começo muita coisa, mas termino muito pouca. Tenho a mania de me enfiar em mais projectos do que aqueles com que consigo lidar ao mesmo tempo. Depois acabo por os deixar todos a meio.
3. I start a lot of things, but end up not finishing most of those. I have the bad habit of starting too many things at the same time, and then I can’t manage to finish any of it.

4. Eu tinha por hábito, há uns anos atrás, escrever todos os meus sonhos, em detalhe, num caderno ao qual dei o (iluminado) título de “O meu diário dos sonhos”. Estou a pensar voltar a fazer essa cruzada. É muito engraçado voltar a ler esses meandros da mente, e especialmente a parte em que eu tentava decifrar os ditos sonhos.
4. I had the habit, a few years back, of writing down my dreams on a little hjurnal, which I named “My dreams journal” (le *gasp*). I’m really thinking about picking up that old habit. It’s a lot of fun to dig through those parts of my head, and especially reading the part were I tried to decipher what those dreams meant.

5. Quase tudo o que sei de Photoshop, Corel Draw, Dreamweaver, desenho e escrita, aprendi sozinha, com muito suor, muitas dores de cabeça e muita experimentação. Mas não nego que tomei conhecimento de algumas boas dicas (mais a nível de software) na web, muitos anos depois de ter começado a explorar sozinha.
5. Almost everything I know about Photoshop, Corel Draw, Dreamweaver, drawings and writing, I learned by myself, with a lot of headaches and experimenting involved. But I can’t deny that I picked up a few useful tips on the web (mostly software related), a few years after I started self-learning.

6. Adoro dormir, mais até do que o necessário. O pior é que eu sei que quando durmo mais de 8 horas, fico absolutamente insuportável, com um humor inexistente e muito mais irritadioça, mas mesmo assim isso não me impede de dormir demasiado. Eu não tenho remédio!
6. I love to sleep, even more than necessary. The worst of it all is that I know if I sleep more than 8 hours, I’ll be cranky all day, yet that doesn’t stop me from staying in bed. I am beyond hope!

7. Eu tenho mais de 200 cassetes VHS. Sim, leram bem! Quando era mais nova, gostava de gravar todos os episódios de Sailor Moon, Dragon Ball, Cavaleiros do Zodíaco e mais uma infinidade de animes e filmes. Isto resultou numa colecção descomunal de VHS, que ainda ocupam um bom espaço no meu guarda-fatos, já que, tendo em conta o nº 1 deste contrato lista, eu não me consigo desfazer de nada, especialmente de algo que me fez gastar tanto dinheiro …
7. I have over 200 VHS tapes. You read that right! When I was younger I liked to tape Sailor Moon, Dragon Ball, Saint Seya, among other animes and movies. This ended up in a humongous collection of VHS, that still ocupy a good space in my wardrobe, because, as I said on the 1st clause of the contract list I just can’t get rid of things, especially those who costed this ammount of money …

E ficamos por aqui, quanto aos meus segredos (ou nem por isso).

Agora vem a obrigatória lista de 7 mártires amigos para me seguirem o exemplo (se assim o desejarem).

1. Anna Raffaella, sim a rapariga de quem eu falo tantas vezes e que deve estar farta de eu a nomear para estas coisas, mas como eu disse, não é obrigatória (não que eu pudesse obrigar alguém a fazer o que quer que seja) a participação.

2. Rekoa Meton, uma conhecida do NaNoWriMo.

3.  Maria Alfacinha, outra conhecida do NaNoWriMo.

4. Lulu, preciso dizer-vos outra vez?

5. Sofisofas, sim continuo na mesma onda, que querem?

6. Saozinha, ela é muito querida, e sim, também é do NaNoWriMo.

7. Benedita Maldita, uma outra escritora na blogosfera.

E porquê todas mulheres? Porque eu não consegui encontrar os homens que procurava, A sério! Eu tinha em mente dois homens escritores, mas não dei com as blogs … o que é que isso diz sobre mim?

Autor: Ana C. Nunes

I love to write, read and draw. I write novels, draw characters and, sometimes, graphic novels or comics.

4 thoughts on “Seven degrees of separation

  1. Haha, sou culpada do 4, 5, 6 e 7.😀

    E agora é que vai ser… sete coisas que o people não saiba sobre mim. Tenho de pensar. Ainda nem nomeei gente para aquela cena das correntes blogueiras (bloguenses? precisamos de uma palavras para isto).
    😛

    Além disso, vou ler os blogs de toda a gente que nomeaste porque nunca é demais conhecer NaNovelists. YAY!

  2. Será que isso é comum à maioria dos escritores?😄
    Estou curiosa por saber o que vais contar. É claro que não tem de ser algo grandioso. Pequenas coisas que fazem de nós aquilo que somos.
    O que isto diz sobre mim é que sou uma preguiçosa materialista … agora todo o mundo o sabe!😄

  3. You are so good, doing Portuguese and English! Wow, I feel like a slacker.

    I’m a pack-rat, too, you should see my basement! Very scary😉 I still have most of my kids’ baby clothes, even though I’m now a grandmother.

  4. I’ll take you up on that offer one of theses days (about the stamps).
    And I just thought it was the right thing to do. Writing in two languages, considering you were the one who challanged me.

Comente / Comment

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s